Seguidores

10 de out de 2009

PALAVRAS QUE EMERGEM


" Quando Palavras emergem da Alma


... Sentimentos se curvam


Coração se cala


Silêncio se faz ... "

Um comentário:

  1. Bruno, cá estou eu... saboreando cada poema... sem pressa... descobrindo cada detalhe num universo repleto de sentimentos... tão bem definidos em versos cuidadosamente lapidados... Um grande abraço!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.