Seguidores

5 de ago de 2010

UM DIA QUALQUER ...


" Um dia qualquer ...
Serei poeira levada pelo vento
Sem nunca criar raiz "

=- Bruno de Paula -=

MAIS UMA VEZ ...


" Mais uma vez ...
A tenho em meus braços.
Peço a ti, Tempo
Que caminhe lentamente.
À Lua, que não tenha pressa em partir
E ao Sol, que não me desperte.
Quero um pouco mais desta mulher que amo.
Quero o silêncio de teus lábios
Afagando os meus.
Quero o brilho das estrelas em teus olhos.
Quero fazer deste sonho,
Mais um Poema.
Do amanhecer ...
Mais uma saudade "

=- Bruno de Paula -=