Seguidores

5 de ago de 2010

UM DIA QUALQUER ...


" Um dia qualquer ...
Serei poeira levada pelo vento
Sem nunca criar raiz "

=- Bruno de Paula -=

3 comentários:

  1. Todos criamos raíz, se naõ por nós, por quem amamos ou por quem nos ama.
    Lindo poema!!

    ResponderExcluir
  2. Tu és raiz... origem...e o que nos fornece é Vida...Nutriente , e seus Poemas são flores e frutos...
    Poeira?? Então só pode estar se referindo àquela finissima chamada pólen...
    Semeias, mesmo sem intenção...
    E uma borboleta distraida também espalha belezas...

    ResponderExcluir
  3. Querido...
    Gosto da humildade dos teus versos... Mas
    Preciso dizer-lhe algo: Tuas palavras e as emoções por elas trazidas eternizam-se em nós enraizando alma e coração.

    Meu eterno carinho, pessoa de alma doce

    Arnalda Rabelo

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.