Seguidores

5 de nov de 2009

VERSOS E PENSAMENTOS

"Já era fim de tarde
Sentado alí
Pedra, praia e mar.
Sentia a brisa, o meu corpo beijar.
No horizonte, um lindo pôr-do-sol,
A quem entreguei os meus desejos e pensamentos.
Meus versos escritos na areia,
Foram entregues as ondas,
Tendo como destino, o fundo do mar.
Confiei ao mar o que sentia por você.
Um amor profundo, intenso e extenso.
Feito ele.
Confiei ao sol, por quem minha alma clamava.
Minha amada, mesmo em pensamento,
Brilha e fascina, assim como ele.
Horas depois...
Sob o encanto da Lua
Estrelas, meus versos lendo
Luar beijando o mar.
=-Bruno de Paula -=

OSTRACISMO

"Alguns dias são assim...
Não tão bons
Meio cinza escuro
Horizontes que não se vê.
Perdido no que fazer
Procuro -me esconder
Sem ainda entender.
Imerso neste quarto,
Paredes me comprimem
Perco meu mundo.
No desespero
já de joelhos
Despeço-me do nada"
=- Bruno de Paula -=