Seguidores

5 de dez de 2011

ENSINAS-ME



" Olho-te ... Escuto-te ... Sinto-te.
Ensinas-me a interpretar o choro de tuas águas.
Ensinas-me a chorar por esta pobre humanidade.
A mesma que te e, se aniquila ... "



=- Bruno de Paula -=

QUANDO


" Quando se ama,
tudo passa a ter sentido.
Principalmente a vida ... "


=- Bruno de Paula -=

VOCÊ MULHER ...


" Logo que acordas,
o dia saúda
a rosa mais bonita.
Nasceste rainha.
És mulher !

Tua defesa é a ternura.
Tua arma o batom.
Sorriso que fascina,
olhar que domina.
És mulher !

Andar firme e elegante.
Tuas curvas inspiram desejos.
Presença insubstituível,
o bem maior de qualquer homem.
És mulher !

Felina e guerreira.
Sonhadora e idealista.
Protetora e amiga.
Curvo-me, à tua essência.
És mulher !

Dona da vida.
Carinho que embala.
Colo que aquece.
Peito que amamenta.
És divina. ! "


=- Bruno de Paula -=