Seguidores

13 de mar de 2012

MEU TUDO


" Como explicar esse amor ...
Essa presença semi ausente,
que apenas meus olhos conhecem.
Que sonho em meus versos e,
amo em minhas noites ?

Corpo de mulher, 
sorriso de menina.
Olhar que encanta, 
voz que seduz.
Como explicar esse amor ?

Me perco nas entrelinhas,
procurando os por quês e mais uma vez, 
como explicar você ...
Que faz de meus sonhos realidade e,
de meus pensamentos saudade ?

Quem é você ... ?
Que me faz crer, 
que amar ainda vale a pena.
Como explicar esse amor,
que fez de minha solidão dia azul ?

Como explicar meu tudo ?
Se esse tudo, 
resume-se em você ? "

=- Bruno de Paula -=

ESSA TUA SOLIDÃO ...


" Essa tua solidão,
carrega um olhar peregrino ...
Estilhaçando espelhos e sombras,
correndo na contramão dos ventos.
Vagueia por gritos mudos,
num mundo de surdos.
Abismos sem degraus,
onde se folheia o passado.
Se abrem as feridas ...
Secando a alma. "

=- Bruno de Paula -=