Seguidores

9 de dez de 2011

JANEIRO ...



" Recordo-me do canto do mar
Da cor do luar
Da brisa salgada
Da tua pele molhada.
Mas não me recordo que era Janeiro.

Recordo-me das estrelas e dos rochedos
Do passeio de nossas bocas
Do caminhar de nossas mãos
Sussurrando e arrepiando nossos corpos.
Mas não me recordo que era Janeiro.

Recordo-me do silêncio do teu olhar
Do delírio de nossas almas
Do perfume do teu desejo
Do sentir a beira mar.
Mas não me recordo que era Janeiro.

Recordo-me de ti
Recordo-me de nós
Recordo-me das palavras
Apenas recordo-me !
Janeiro, nunca mais será o mesmo. "


=- Bruno de Paula -=