Seguidores

24 de mar de 2011


" Chega a noite ...
Já não tenho o teu olhar
Teu perfume o tempo levou.

Tua ausência me espia
Sinto em minha alma
Uma vida vazia, não vivida.

Noites carregadas de solidão
Tempestades de sentimentos
Madrugadas sem fim.

As paredes falam-me de ti
A saudade se aconchega
Meus pensamentos tentam te tocar.

Dor que está por chegar ... "


=- Bruno de Paula -=