Seguidores

10 de out de 2009

AVESSO


Às vezes visto-me do meu avesso
Só para ler nas páginas do meu ser
O versejar ... Do meu querer,
Da magia do amor, da beleza do viver,
Da simplicidade do verbo amar.
Aqui tudo é recomeço ...
Assim é o meu avesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.