Seguidores

10 de fev de 2012

TEMPO


" Com o tempo
aprendi a te amar.
E esse mesmo tempo,
não me deu tempo
para me declarar.
Deixei o tempo passar ...
Mas o tempo, 
insiste em me cobrar.
Não sei se há mais tempo,
só o tempo dirá,
se ainda há tempo,
de me amar. "

=- Bruno de Paula -=

Um comentário:

  1. Olá poeta
    Sua poesia encanta...
    Bela musica e lindo post
    O tempo...Só sei uma coisa sobre ele.
    Ele não para e o tempo de amar é sempre agora
    Um abraço Poético!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.