Seguidores

4 de dez de 2011

VENHO DE LONGE


" Venho de longe e,
ainda não cheguei ...
Talvez seja uma viagem longa.
Talvez meu destino,
esteja parado na próxima esquina.
Não sei ... (?)
Já tive muita sede de destino.
Hoje, caminho com o tempo.
Vou fazendo de conta que ainda é cedo e,
vivendo um sonho de cada vez. "

=- Bruno de Paula -=

2 comentários:

  1. VEM ATÉ MIM

    Vem até mim
    Em silêncio
    Com palavras
    Sussurradas
    Caladas
    Ao ouvido
    Em carícias

    Vem até mim
    Mansamente
    Num afago
    Com teu abraço
    Calor
    Ardendo olhar

    Vem até mim
    No enleio
    Dos corpos sedentos
    De beijos
    Em silêncio
    Vem …

    ResponderExcluir
  2. Caminho em silêncio, acalento meu sofrimento... Com medo do vai e vem... ignoro o enfrentamento com minha alma ferida.
    Quieta por um eterno momento, escuto o ruído da chuva chegando intensa e lenta... tornando meu hoje singularmente novo... Assim, a quietude dos meus sonhos me refaz para voltar mais inteira... será? Beijos!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.