Seguidores

14 de out de 2011

OLHANDO-TE


" Olhando-te com a alma,
senti em teu sorriso
aromas do campo,
do mar,
do café e da canela,
de versos e poesia.
Agora,
em cada sorvo de tua imagem,
fica em minha boca
o travo da saudade.
Em minhas noites,
tão claras quanto meus dias,
fujo de meus sonhos
na intenção de amenizar esta dor.
A dor ...
De não ser o dono deste teu sorriso "


=- Bruno de Paula -=

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.