Seguidores

27 de nov de 2009

TALVEZ


" Talvez teu olhar
Não seja teu maior segredo.
Talvez teu Poema
Seja um grito fugindo da solidão.
Talvez tua essência
Seja um eclipse da tua alma,
Oculta na multidão.
Mais sobre ti ?
Talvez não consiga definir.
De resto, não te conheço.
Sei que és do mundo
A que pertenço.
Talvez ... Basta "

=- Bruno de Paula -=

Um comentário:

  1. Tua obra é maravilhosa, consigo perceber todas as nuances e sensações, o leve sorriso, o amor totalmente entregue,o intenso e profundo abandono e até mesmo a dor, é incrível como uma montanha russa de emoções.
    Beijos garoto...Quanto a mim continuo meu vôo :)

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.