Seguidores

23 de ago de 2011

QUANDO NÃO MAIS ...


" Quando meu olhar tocar o infinito
e minh'alma, leve, partir ...
Sentirás em tua solidão,
o terno toque de minhas mãos.
Encontrarás meu sorriso,
dentro dos dias que te sonhei.
Serão teus,
meus últimos versos.
Serão minhas,
tuas lágrimas "


=- Bruno de Paula -=

2 comentários:

  1. hummmm a solidão dos que ficam

    Beijos querido, um ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. Se prender pode ser um eterno perder... Bjos!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.