Seguidores

12 de jul de 2011

NAS ESQUINAS DO PENSAMENTO ...


" Nas esquinas do pensamento
me despi em silêncio e,
caminhei ...
Enraizei-me na terra,
atravessei o vento,
banhei-me do luar e,
toquei o céu.
Minh'alma escrevia na brisa,
longas cartas de amor.
Fiz de minha solidão, teu poema.
Fiz de teu jardim, meu ninho.
Um jardim de versos,
onde sonhei uma só flor,
um só perfume.
Você ... "


=- Bruno de Paula -=

Um comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.