Seguidores

29 de jan de 2010

NOITE DE SOLIDÃO


" Noite de solidão ...
Minha alma chora tua ausência.
Teu perfume,
Sem pedir licença,
Entra pela janela
Abraçando meus sentimentos.
Abraço dolorido ...
Que a saudade acolhe
Sem reclamar ... "
=- Bruno de Paula -=

Um comentário:

  1. Dói... e dói muito esta saudade... cinza, silenciosa... necessária superação...Bjos!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.