Seguidores

24 de jan de 2010

DOIS DOS MEUS POEMAS - PUBLICADOS NO JORNAL DA CIDADE online


O TEMPO E EU

Desperta a madrugada ...
O sol dorme, os jardins,
O mar, os rios, as pedras.

Tu também dormes ...
Até mesmo os sonhos dormem,
Nos braços de Morpheu.

Eu, deitado na cama,
Olhando o infinito branco do teto,
Janela dos meus pensamentos.

Inquieto ... consumo o tempo
Desta madrugada muda.
É cedo ... Muito cedo ainda.

Mas sempre tão tarde ...
Os segundos dentro do minuto
Os minutos dentro de cada hora.

Fazendo do tempo que corre,
Maior a distância
Uma saudade infinita

Bruno de Paula


--- " ---


AMOR EM VERSOS

O amor não se define.
Não cabe em palavras.
Amor é um afago,
Ladeado de procura.

Amor é um coração em eco,
Pulsando sem ritmo.
Um olhar cego.
A ternura de um sorriso.

O amor é a alma que fala.
Poema que não acaba.
Gestos que não se aprende.
É tudo, nunca um pouco.

O amor é vida.
É o universo em sonho.
É vento num labirinto,
Onde perdido ... Me encontrei

Bruno de Paula


Um dos sites do Jornal da Cidade Online :
http://www.jornaldacidadeonline.com.br/leitura_artigo.aspx?art=1729

7 comentários:

  1. Merecidamente Bruno...
    tua sensibilidade é intensa...
    são lindos lindos
    Parabéns!!

    beijo
    Ana...

    ResponderExcluir
  2. amei seu blog, voce nao me conhece mas sou amiga da Reeh e se nao se importar gostaria de ser sua seguidora,bjos

    ResponderExcluir
  3. Seu blog foi plagiado veja aqui: http://euamoumcertorapaz.blogspot.com/2010/01/o-tempo-e-eu.html

    ResponderExcluir
  4. seus poemas são lindicimo...gosto muito beijos Docê menina

    ResponderExcluir
  5. http://img1.orkut.com/images/milieu/1264958502/1266420177997/532358226/of/Zpg0msj.jpg?ver=1266420178&sig=flezo3
    Modifiquei seu poema lindo pelo mei olhar!

    " Talvez meu olhar Não seja meu maior segredo.
    Talvez seja um grito fugindo da solidão.
    Talvez seja um eclipse da minha alma,
    Oculta na multidão.
    Talvez não consiga definir. De resto, não me conheço.
    Sei que sou e faço parte do mundo A que pertenço.
    Talvez para mim... Basta "

    Bom Descanso...
    Beijok@s da Leona.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.