Seguidores

14 de dez de 2009

DESEJO & TENTAÇÃO


" Insinua-se ...
Na carência de um pensamento
Pródigo momento
De puro encanto.

Rabiscos
Que saltam a imagem
Tateando a pele
Deslizando sobre o corpo.

Presa ao sonho
Liberta da memória
Inicia do fim
Uma nova estória

Inventa-se brisa
Ilumina-se Lua
Lívido corpo
Que se insinua.

Na imensidão que lhe sobra
No que resta da hora
Na madrugada perfumada
Na noite já nua ... "
=- Bruno de Paula -=

Um comentário:

  1. Somos seres sensíveis ,vivemos em estado de poesia, buscamos prazer na sensualidade, conscientes do "sentir", do estar presente com todo o nosso Ser quando tocamos, ouvimos, olhamos, falamos e percebemos.

    Essa tal de sedução é a razão dizendo não... e a paixão dizendo sim. É ouvir sua voz dizendo vem, e ao mesmo tempo ser teu dono e teu refém... beijinhos

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.